Southernmost – Rumo ao sul, de Silas House

Por que li “Southernmost – Rumo ao sul”, do Silas House?

Bom, não vou negar que este é um dos livros que me conquistou pela capa, achei este por do sol lindo!

Estava rodando o site da TAG Livros quando vi esta capa e fui ler a respeito, me encantei. Como a intolerância ao público LGBTQIA+ ainda é muito forte, principalmente no meio religioso, fiquei bastante interessado na possível sensibilidade que seria abordada neste livro.

Ele foi distribuído pela assinatura Inéditos em setembro de 2018, então o adquiri pela loja (já que ainda não assinava o clube neste período).

Continue lendo “Southernmost – Rumo ao sul, de Silas House”

Frida Kahlo e as Cores da Vida, de Caroline Bernard

Por que li “Frida Kahlo e as Cores da Vida”, da Caroline Bernard?

Eu não comprei este livro, ele que chegou até mim. Este foi um dos livros enviados pela Tag Livros no Kit Inéditos em Janeiro de 2021 e conta a história da pintora mexicana cujo nome é titulo da obra.

Quando peguei este livro, pensei “Caramba, eu não sei de nada sobre Frida Kahlo a não ser que ela é mexicana, pintora e feminista, isso porque ela está em todos os lugares da cultura pop.” E era verdade! Então esta foi uma ótima oportunidade de descobrir quem ela realmente foi!

Continue lendo “Frida Kahlo e as Cores da Vida, de Caroline Bernard”

Água Vida, de Clarice Lispector

Por que eu li “Água Viva”, da Clarice Lispector?

Sendo bem sincero, sempre tive dificuldades de ler Clarice Lispector, mesmo na faculdade de Linguística enquanto a estudava. Sempre achava ela muito sem pé no chão, etérea demais, não sabia explicar… Eu sempre fui muito mais de leituras “de histórias com começo-meio-fim”, e ela nunca foi o meu estilo favorito de leitura. Tive que ler a obra A hora da estrela para o vestibular e terminei com o a cara que nem o emoji -> 🤔.

Continue lendo “Água Vida, de Clarice Lispector”